Últimos assuntos
» Decreto dominical a caminho
Dom Fev 19, 2017 7:48 pm por Augusto

» Acordem adventistas...
Ter Fev 07, 2017 8:37 pm por Augusto

» O que Vestir Para Ir à Igreja?
Qui Dez 01, 2016 7:46 pm por Augusto

» Ir para o céu?
Qui Nov 17, 2016 7:40 pm por Augusto

» Chat do Forum
Sab Ago 27, 2016 10:51 pm por Edgardst

» TV Novo Tempo...
Qua Ago 24, 2016 8:40 pm por Augusto

» Lutas de MMA são usadas como estratégia por Igreja Evangélica para atrair mais fiéis
Dom Ago 21, 2016 10:12 am por Augusto

» Lew Wallace, autor do célebre livro «Ben-Hur», converteu-se quando o escrevia
Seg Ago 15, 2016 7:00 pm por Eduardo

» Ex-pastor evangélico é batizado no Pará
Qua Jul 27, 2016 10:00 am por Eduardo

» Citações de Ellen White sobre a Vida em Outros Planetas Não Caídos em Pecado
Ter Jul 26, 2016 9:29 pm por Eduardo

» Viagem ao Sobrenatural - Roger Morneau
Dom Jul 24, 2016 6:52 pm por Eduardo

» As aparições de Jesus após sua morte não poderiam ter sido alucinações?
Sab Jul 23, 2016 4:04 pm por Eduardo

Palavras chave

jesus  criação  Judas  dilúvio  jonas  miguel  arca  bíblia  alma  

SEU IP
IP

[Apocalipse] Veja mostra os rumos da Segunda Besta

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

11122010

Mensagem 

[Apocalipse] Veja mostra os rumos da Segunda Besta







Veja de 1 de dezembro de 2010 mostra os rumos da Segunda Fera

Publicado em dezembro 10, 2010 por IASD



A revista Veja de 1° de dezembro de 2010 trouxe 26 páginas sobre os Estados Unidos. As 26 páginas defendem as seguintes idéias:

1- Os EUA é e serão por um bom tempo a maior potência do mundo.

2- O poder americano está baseado em 3 pilares: poder econômico, poder militar e poder suave (capacidade de convencer através de idéias, sem usar a força).

3- O poder econômico americano não diminuiu. O que ocorreu foi o crescimento do resto do mundo. Em 1945 os EUA concentravam 50% do PIB mundial. Hoje seu PIB é um pouco menor que a união de 4 países: Japão, Alemanha, França e China. Ainda está bem na frente do número 2 (China) mas agora o mundo é multipolar e precisa dialogar com as outras nações para resolver problemas financeiros e ecológicos.

4- O poder militar concentra em 2010 mais de 50% dos investimentos mundiais. Possui um poder incomparável que não pode ser superado por nenhum país.

3- O poder suave (soft power) foi enfraquecido mas ainda continua liderando. As pessoas desejam estar em Hollywood, viver numa democracia ou ter um IPad.

A Nação americana do século 21 se aproxima mais do cenário descrito no Apocalipse para a volta de Jesus do que em toda a sua história. Quando os adventistas descobriram em 1851 que os Estados Unidos eram a segunda fera de Apocalipse 13 estavam vivendo fora de seu tempo. A Inglaterra era a maior potência do mundo e a profecia jamais poderia se cumprir na sua época. Em 1888 quando o livro O Grande Conflito foi finalizado, os EUA já eram uma das maiores potências do mundo, mas não a maior. A profecia de Apocalipse 13 ainda não poderia se cumprir. Os EUA não tinham poder militar para impor sua vontade ao mundo e fazer com que todos servissem a primeira fera, como diz a Bíblia. Em 1945 os EUA possuíam 50% da economia mundial e liderança moral sobre metade do mundo (que era capitalista). Aos olhos da maioria a profecia poderia se cumprir, mas não aconteceu: A URSS precisava ser derrotada. O Apocalipse descreve uma CRISE RELIGIOSA de nuances capitalistas e não uma guerra entre comunismo e capitalismo. Em 1991 os EUA venceram a Guerra Fria. Se tornaram a única super-potência mundial. O cumprimento da profecia era provável. E durante os próximos 15 anos os adventistas se perguntaram: O que falta? A resposta era: somente a pregação do evangelho. Infelismente faltavam outras coisas….

O povo adventista não errou em se concentrar em Apocalipse 13, mas “esqueceu” em conjugar estes detalhes com Apocalipse 17:12-13:

E os dez chifres que viste são dez reis, …Estes têm um mesmo intento, e entregarão o seu poder e autoridade à besta.

A profecia diz que não seria suficiente os EUA entregarem sua autoridade à Besta Vaticano. O mundo que a América controla (graças a seu poder militar) seria economicamente MULTIPOLAR. Os 10 Reis também precisariam consentir que a Besta reine, senão o projeto americano não dará certo! É por isso que a Volta de Jesus não poderia ter ocorrido num mundo em que os reis eram divididos em comunistas e capitalistas e nem em um mundo em que os EUA concentravam a economia do mundo em suas mãos (1945-1991).

Para que os EUA matassem todos os que não adorassem a imagem da besta (Apoca 13:15), precisaria ser o poder militar número 1. Mas de acordo com a Bíblia ele não conseguiria agir economicamente sozinho. Precisaria influenciar os 10 Reis que esses entreguem seu poder a Besta. Ellen White já havia ensinado isso a muito tempo atrás:

As nações estrangeiras seguirão o exemplo dos Estados Unidos. Posto que ela seja a líder, a mesma crise atingirá todo o nosso povo em toda parte do mundo. Testemunhos Seletos, vol. 3, pág. 46.

Quando a América, o país da liberdade religiosa, se aliar com o papado, a fim de dominar as consciências e impelir os homens a reverenciar o falso sábado, os povos de todos os demais países do mundo hão de ser induzidos a imitar-lhe o exemplo. Testemunhos Seletos, vol. 2, pág. 373.

Os EUA precisam induzir as demais nações a seguir seu exemplo. Isso indica que ele se advoga líder moral e possui poder de fogo, mas para que o projeto dê certo, precisa das demais nações do mundo (Em 2010 a maior parte da economia mundial se concentra fora das fronteiras americanas. Por exemplo: 60% do lucro de Hollywood é conseguido fora dos EUA).

Por estes motivos a volta de Jesus somente se torna factível no mundo atual, sendo até mesmo duvidosa há 20 anos atrás. Mas será que estamos esquecendo algum detalhe e daqui a 30 anos diremos: “Faltavam muitas peças do quebra cabeça para Jesus ter voltado no início do século 21″? Provavelmente sim. Faltam peças do quebra cabeças que não vemos e não é interesse de Deus que vejamos. Mas a história mostra que:

1- A interpretação adventista das profecias é correta. O fim gira ao redor do que os EUA vão fazer.

2- Nunca em toda a história o quebra cabeças divino esteve tão bem montado, faltando poucas peças.

3- As guerras de independência cederam lugar a guerra contra o comunismo e a guerra contra o comunismo cedeu lugar a guerra contra o terrorismo islâmico. Falta uma peça do quebra cabeça para entendermos como os EUA se virarão contra as minorias “fanáticas” do cristianismo. Mas já conseguimos visualizar bem de longe como a nação chegará lá.
avatar
Eduardo

Mensagens : 5997
Idade : 47
Inscrição : 08/05/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

- Tópicos similares
Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum