Últimos assuntos
» Decreto dominical a caminho
Dom Fev 19, 2017 7:48 pm por Augusto

» Acordem adventistas...
Ter Fev 07, 2017 8:37 pm por Augusto

» O que Vestir Para Ir à Igreja?
Qui Dez 01, 2016 7:46 pm por Augusto

» Ir para o céu?
Qui Nov 17, 2016 7:40 pm por Augusto

» Chat do Forum
Sab Ago 27, 2016 10:51 pm por Edgardst

» TV Novo Tempo...
Qua Ago 24, 2016 8:40 pm por Augusto

» Lutas de MMA são usadas como estratégia por Igreja Evangélica para atrair mais fiéis
Dom Ago 21, 2016 10:12 am por Augusto

» Lew Wallace, autor do célebre livro «Ben-Hur», converteu-se quando o escrevia
Seg Ago 15, 2016 7:00 pm por Eduardo

» Ex-pastor evangélico é batizado no Pará
Qua Jul 27, 2016 10:00 am por Eduardo

» Citações de Ellen White sobre a Vida em Outros Planetas Não Caídos em Pecado
Ter Jul 26, 2016 9:29 pm por Eduardo

» Viagem ao Sobrenatural - Roger Morneau
Dom Jul 24, 2016 6:52 pm por Eduardo

» As aparições de Jesus após sua morte não poderiam ter sido alucinações?
Sab Jul 23, 2016 4:04 pm por Eduardo

Palavras chave

parabola  criação  jonas  alma  virgens  bíblia  dilúvio  jesus  arca  

SEU IP
IP

Deixe as Espadas fora da Mochila

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

30052011

Mensagem 

Deixe as Espadas fora da Mochila




Pesquisa inédita (ainda que não surpreendente!) constatou que os extrovertidos tendem a ser mais felizes. Ryan Howell, da Universidade Estadual de São Francisco (USA) entrevistou 754 pessoas para estabelecer o que o senso comum já afirmava: pessoas extrovertidas conseguem reter lembranças felizes, ao mesmo tempo que diminuem a importância de acontecimentos negativos. Assim, conforme a pesquisa, existe poderosa conexão entre extroversão e satisfação pessoal – ambas unidas por uma percepção positiva sobre o próprio passado.

A Bíblia também insiste em uma abertura para a espiritualidade, não como um bem em si mesmo. Somos incentivados a manter “o pensamento nas coisas do alto” (Cl 3:2, NVI) e andar como novas criaturas (2 Co 5:17). Qual a relação dessas promessas com a pesquisa de Howell? Os textos bíblicos estão intrinsecamente relacionados com o fardo do passado que machuca nossos ombros. O divórcio que não se curou. A vítima que você fez dirigindo bêbado. A expressão do seu filho quando você perdeu a paciência com ele. A falta de intimidade com os amigos dos quais você se esqueceu. O passado pode ser como uma mochila repleta de espadas: a medida em que se caminha com ela, sente-se as pontas perfurarem a mochila e atingir as costas de quem a leva.

A boa-nova é que o passado perde sua relevância diante de uma nova realidade inaugurada pelo perdão que flui da cruz. O foco deixa de ser “o que foi que fiz?” para “Deus fez tudo isso – e por mim?!”. Com isso, abre-se um futuro promissor: “[…] esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus.” (Fl 3:13-14, NVI). Se felicidade está ligado a um otimismo em relação ao passado, basta confiar na certeza de que o nosso passado foi perdoado e o futuro garantido no mesmo lugar: o Calvário!
avatar
Eduardo

Mensagens : 5997
Idade : 47
Inscrição : 08/05/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

- Tópicos similares
Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum