Últimos assuntos
» Decreto dominical a caminho
Dom Fev 19, 2017 7:48 pm por Augusto

» Acordem adventistas...
Ter Fev 07, 2017 8:37 pm por Augusto

» O que Vestir Para Ir à Igreja?
Qui Dez 01, 2016 7:46 pm por Augusto

» Ir para o céu?
Qui Nov 17, 2016 7:40 pm por Augusto

» Chat do Forum
Sab Ago 27, 2016 10:51 pm por Edgardst

» TV Novo Tempo...
Qua Ago 24, 2016 8:40 pm por Augusto

» Lutas de MMA são usadas como estratégia por Igreja Evangélica para atrair mais fiéis
Dom Ago 21, 2016 10:12 am por Augusto

» Lew Wallace, autor do célebre livro «Ben-Hur», converteu-se quando o escrevia
Seg Ago 15, 2016 7:00 pm por Eduardo

» Ex-pastor evangélico é batizado no Pará
Qua Jul 27, 2016 10:00 am por Eduardo

» Citações de Ellen White sobre a Vida em Outros Planetas Não Caídos em Pecado
Ter Jul 26, 2016 9:29 pm por Eduardo

» Viagem ao Sobrenatural - Roger Morneau
Dom Jul 24, 2016 6:52 pm por Eduardo

» As aparições de Jesus após sua morte não poderiam ter sido alucinações?
Sab Jul 23, 2016 4:04 pm por Eduardo

Palavras chave

arca  bíblia  dilúvio  criação  miguel  jesus  jonas  alma  

SEU IP
IP

Legislação do Sábado em Israel

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

06062010

Mensagem 

Legislação do Sábado em Israel




Tenho recebido alguns emails de alguns de vocês sobre uma suposta mudança na legislação em Israel a respeito do Sábado, a última foi de Jacques Doukhan me perguntando se essas notícias são verdadeiras (Eu postei as notícias recebidas de Jacques Doukhan no final de minha resposta).

É importante difundir esse email entre nosso povo para substituir sua fantasia por uma realidade e pensar que o povo Judeu seguirá o papado para mudar o Sábado pelo Domingo. Os Judeus fiéis remanescentes como os Ortodoxos e os do movimento conservador nunca desistirão do Sábado em favor do Domingo. Nós temos que dizer e pregar isso. Se há uma Igreja remanescente, há um Israel remanescente que se manterá fiel à lei de Deus mesmo embora de tempos em tempos nós pensemos que eles estão mantendo isso demais.

Aqui está minha resposta sobre essa legislação:
por Richard-Amram Elofer, 4, Abraham Lincoln 94186 Jerusalem Israel.

Prezado Dr. Doukhan,
Obrigado por me enviar seu email e por sua pergunta sobre esse assunto de “Israel mudando sua legislação de Sábado para Domingo.”

Estou vivendo em Israel e fico feliz por você ter vindo a mim a fim de saber se essa proposta de “Leis Dominicais” é verdadeira ou não.

Primeiro de tudo, de acordo com suas notícias essa iniciativa viria do PNR, que significa Partido Nacional Religioso em Israel. As pessoas que pensam que essas notícias são verdadeiras realmente não conhecem os Judeus religiosos de Israel e do Brooklin e de outras partes do Mundo. Eles estão prontos para serem mártires antes de permitir uma mudança na lei do Sábado. Há uma máxima em Israel que diz que “não foi Israel que guardou o Sábado, mas o Sábado guardou a Israel.” Os religiosos Judeus sabem muito bem que se eles subsistiram até hoje é porque têm sido fiéis a Deus e sua Lei e não é hoje que eles desistirão de sua fidelidade ao Sábado.

Algumas pessoas, especialmente Adventistas que estão com muita pressa de ver a perseguição chegar estão prontos mesmo para distorcer quaisquer notícias sobre o Sábado e o Domingo para levar o nosso povo a pensar que estão cada vez mais perto do fim. Eles estão prontos para tornar suas fantasias em realidade acreditando que mesmo os Judeus passarão as “Leis Dominicais.” Isso não acontecerá.

Eis o assunto exatamente:

Israel é um país que quis, desde a sua criação, seguir a lei de Deus e essa lei especifica que temos que trabalhar seis dias e então descansar um dia, no Sábado. É por isso que a semana de cinco dias de trabalho e dois dias de folga não existe em Israel. Mas algumas pessoas religiosas reclamam que eles não têm tempo para visitar suas famílias, nem de aproveitar alguns entretenimentos “saudáveis”, nem ir a algum lugar com seus carros durante o dia de folga, porque o dia de folga em Israel é somente o Sábado e é proibido para os Judeus quebrarem a lei do Sábado por todas essas atividades. Em adição a isso eles argumentam que se eles tivessem um segundo dia de folga, como os países ocidentais, talvez mais Judeus retornassem à observação do Sábado, eles teriam outro dia para ir à praia, e se tornariam mais religiosos.
Mas o governo não está pronto para ir nessa direção de dar um segundo dia de folga oficialmente. Eles calcularam que custaria bilhões de dólares por ano para a economia Israelense se eles decidissem dar um segundo dia de folga. E mesmo se o Knesset decidisse tal coisa, não seria obrigatório porque de acordo com a bíblia, nós temos que trabalhar seis dias e descansar no Sábado, somente o Sábado seria obrigatório para companhias que empregam pessoas. Se você tem sua própria companhia e não tem nenhum empregado, então você é livre para fazer o que quiser quando quiser mesmo abrir no Sábado. De fato muitos poucos cafés e armazéns estão abertos no Sábado e a maior parte do tempo os empregados são Palestinos, assim como a maioria dos empregados de Hotéis no Sábado.

A discussão é também para decidir se esse segundo dia de folga seria Sexta-Feira ou Domingo.

Aqueles que defendem Sexta-Feira, dizem que Sexta feira já é um meio dia de folga. Para algumas administrações e companhias já é um dia de folga, os Ministérios já estão fechados na Sexta-feira. A consultoria Jurídica de nossa organização é fechada na Sexta-feira e Sábado. Em outros locais de trabalho como bancos fecham na sexta-feira ao meio dia para dar tempo a seus empregados se prepararem para o Sábado. E todas as outras companhias como supermercados, construtoras, etc... fecham por volta das 3 da tarde. Então eles dizem que uma vez que muitas companhias e escritórios têm meio dia de folga, custaria menos decidir que sexta-feira será o segundo dia de folga.

Aqueles que defendem o Domingo são os banqueiros e pessoas que têm negócios fora do país. Porque na maioria dos países o Domingo é um dia de folga, Wall Street e outros mercados de ações estão fechados e os bancos são limitados em suas transações. Toda vez que tenho que fazer câmbio no Domingo, meu banco poderia não fazer, porque eles dizem que o mercado de ações está fechado na Europa e eles não sabem quanto será a cotação na Segunda feira de manhã na abertura do mercado. Finalmente tem um ano agora que nossa agência bancária decidiu fechar no domingo e abrir mais tarde da noite durante a semana para resolver esse problema (mas muitas outras agências e bancos ainda abrem aos Domingos).

MAS TUDO ISSO NÃO TEM NADA A VER COM SUBSTITUIR O SÁBADO PELO DOMINGO.

Eu acredito que as pessoas que estão por trás desses rumores poderiam ser anti-Semitas ou mesmo partidárias da “Teologia da Substituição” e estão felizes em dizer, “Veja, Israel realmente tem sido rejeitado por Deus, eles têm até rejeitado a lei de Deus e o Sábado.” Deixe-me dizer a essas pessoas que isso jamais acontecerá. Talvez Judeus reformados que não acreditam na inspiração da Bíblia possam ir por esse caminho de dizer que não importa se é Sábado ou Domingo, mas os Judeus conservadores e ortodoxos, jamais. Eles darão suas vidas se necessário (como eles têm feito durante os últimos 4.000 anos) mas não desistirão da lei de Deus e do Sábado.

Como Pastores e Ministros Adventistas do Sétimo Dia, nós temos que ter cuidado com o que pregamos. Eu lembro que estava em uma convenção da ASI em Agosto e alguém veio até mim dizer que G. Edward Reid, Diretor de Mordomia da NAD fez uma pregação e falou sobre essa nova legislação, ele me perguntou se era verdadeiro ou não. Eu disse a ele que não é verdadeiro. E mais tarde, em Setembro, eu estava em um conselho pastoral na Holanda onde conheci o irmão Reid, e eu disse a ele que temos que ter cuidado com o que pregamos ou dizemos, porque com nossa autoridade enquanto pastores e líderes temos uma grande influência em nosso povo e não podemos espalhar notícias falsas.

No entanto, de fato, a lei em Israel não mudou e eu duvido que mudará algum dia. (Enquanto Israel seja um país Judeu). Mas mesmo que uma nova legislação venha a dar um segundo dia de folga, nunca será no lugar do Sábado que Deus santificou no sétimo dia da semana da criação.

Eu espero que minha resposta seja útil para elucidar a situação atual em Israel nas mentes de muitos membros e amigos.
Richard Elofer
Campo de Israel, Presidente
http://www.bbts.org.br/04_informativo/02_sabadoIsrael.html
avatar
Eduardo

Mensagens : 5997
Idade : 47
Inscrição : 08/05/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

- Tópicos similares
Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum