Últimos assuntos
» Decreto dominical a caminho
Dom Fev 19, 2017 7:48 pm por Augusto

» Acordem adventistas...
Ter Fev 07, 2017 8:37 pm por Augusto

» O que Vestir Para Ir à Igreja?
Qui Dez 01, 2016 7:46 pm por Augusto

» Ir para o céu?
Qui Nov 17, 2016 7:40 pm por Augusto

» Chat do Forum
Sab Ago 27, 2016 10:51 pm por Edgardst

» TV Novo Tempo...
Qua Ago 24, 2016 8:40 pm por Augusto

» Lutas de MMA são usadas como estratégia por Igreja Evangélica para atrair mais fiéis
Dom Ago 21, 2016 10:12 am por Augusto

» Lew Wallace, autor do célebre livro «Ben-Hur», converteu-se quando o escrevia
Seg Ago 15, 2016 7:00 pm por Eduardo

» Ex-pastor evangélico é batizado no Pará
Qua Jul 27, 2016 10:00 am por Eduardo

» Citações de Ellen White sobre a Vida em Outros Planetas Não Caídos em Pecado
Ter Jul 26, 2016 9:29 pm por Eduardo

» Viagem ao Sobrenatural - Roger Morneau
Dom Jul 24, 2016 6:52 pm por Eduardo

» As aparições de Jesus após sua morte não poderiam ter sido alucinações?
Sab Jul 23, 2016 4:04 pm por Eduardo

Palavras chave

alma  jesus  bíblia  jonas  miguel  criação  arca  dilúvio  

SEU IP
IP

A eleição dos membros leigos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

18072010

Mensagem 

A eleição dos membros leigos







A eleição dos membros leigos

Termina amanhã em Atlanta, EUA, a 59ª Sessão da Conferência Geral dos Adventistas do Sétimo Dia.


No entanto, e porque amanhã é Sábado, é hoje que terminam os trabalhos administrativos. Serão feitas as últimas propostas de secretaria tendo em conta regulamentos e a própria ordem da igreja, bem como nomeados e eleitos os últimos dirigentes que servirão a igreja nas diferentes funções e partes do mundo.

Quando o Sábado de amanhã tiver passado, todos regressarão aos seus países de origem, certamente renovados pelas experiências vividas e partilhadas ao longo dos dez últimos dias. E o ritmo normal das suas igrejas será retomado.


Creio que para esse ritmo ser exercido com bom vigor, há um fator bem importante a equacionar: os membros leigos. É que, passando tantos dias a debater acerca dos líderes da igreja, podemos correr o risco de pensar que é essencialmente deles que depende a igreja. Mas não é.


Não tenho a mínima dúvida em afirmar que as lideranças oficiais são grandes fatores de motivação e dinâmica do trabalho da igreja - até poderei usar a imagem do rebanho que segue sempre o pastor, para onde quer que ele vá. Mas, por muito esforço que eles possam fazer, caso os membros se demitam das suas responsabilidades na igreja, em favor de um conceito que os torna espetadores em vez de atores, essa igreja estará carente, falhando sempre algo.


Sei que há muitos irmãos que ao verem um bom líder na sua igreja, esforçado, entusiasmado e empreendedor, se sentem inspirados e motivados a seguir-lhe o exemplo. Por outro lado, há aqueles que, refugiando-se e desculpando-se a si próprios com a boa qualidade da liderança, consideram-se realizados simplesmente por fazerem parte da lista de membros...


Um bom exemplo disto são os relatos missionários. Ao assistirmos a algumas impressionantes histórias que surgem de várias partes do mundo, entendemos que por a igreja estar a fazer, nós também o estamos. Mas isso não é bem assim, muito menos quando, apesar disso, deixamos de ajudar o vizinho ao nosso lado. O raciocínio é este: 'afinal, se a igreja tem tanto trabalho missionário, não faz mal se eu estiver mais discreto e até mesmo parado...' Como disse, um erro grave!


Imaginemos uma família com vários filhos que vai fazer um pic-nic. Eles chegam e o pai prepara a toalha no chão. Eles sentam-se e comem o lanche que tinha sido previamente preparado pelo pai. Depois, há umas brincadeiras que o pai faz sozinho e todos assistem. De seguida, o pai dá uns mergulhos no lago que ali existe e todos apreciam bastante. Quando termina, o pai arruma tudo direitinho enquanto a família olha e espera pacientemente. Então, ele conduz a viatura até casa e todos ficam felizes pelo dia que passaram juntos.


Pergunto: está tudo certo com esta família? Não, não está; porque claramente só há um membro que está a funcionar, ainda que seja o líder!


Da mesma forma, a igreja é o conjunto dos líderes com os membros leigos. E já reparou que estes últimos são em maioria? Isto é, são muito mais mãos para ajudar a cumprir a tarefa da igreja!


Não nos esqueçamos de algo fundamental: os nossos líderes foram agora eleitos; os membros leigos estão todos eleitos por natureza.


'Não me escolhestes vós a Mim, mas Eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça...' (João 15:16).

FONTE.
avatar
Eduardo

Mensagens : 5997
Idade : 47
Inscrição : 08/05/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

- Tópicos similares
Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum